12/01/2012

SESC Uberlândia apresenta exposição Flor de Chita “memórias vivências bordados”
Entrada franca
O ato de bordar é um exercício da memória, um fazer feminino carregado de poesia e romantismo. Ao bordar suas histórias, as participantes do“Flor de Chita”, apresentam o que há de mais terno e pessoal, transformado cores e textura em arte e, ponto por ponto, recriando a história de várias vidas.
No ano de 2011 o projeto foi reallizado pelo Sesc - Uberlândia, sob a coordenação de Cleusa Bernarde e Graziela. A exposição marca o encerramento do projeto Flor de Chita no Sesc – Uberlândia. A proposta de conduzir as participantes a resgatar suas memórias e bordá-las envolveu pessoas de várias faixas etárias.
A exposição terá permanência até o dia 03 de fevereiro de 2012.
Exposição Flor de Chita
Local: Sesc Uberlândia
Data: 11/01 a 03/02
Hora: 10h às 18h
Entrada gratuita

08/09/2011



Flor de Chita ministra oficinas gratuitas no SESC/MG UBERLÂNDIA

Quem quiser bordar e ainda aprender a criar objetos de arte baseados em suas memórias e vivências terá uma ótima oportunidade a partir do dia 19 de setembro.
O SESC – Minas Gerais, Unidade Uberlândia, realizará o projeto Flor de Chita com oficinas gratuitas, que vão até dezembro deste ano.


Mas, fiquem atentos, porque as vagas são limitadas!

Os interessados devem fazer sua inscrição até o dia 18 de setembro, das 8h às 18h, no SESC/MG UBERLÂNDIA, que fica à Rua Benjamim Constant, 844, Bairro Nossa Senhora Aparecida, em Uberlândia. Telefone: (34) 3212-9099. Devem procurar por Lêda Bernardi.

Os inscritos serão divididos em dois grupos, com dez alunos cada. As aulas de um dos grupos terão início em 19 de setembro, sendo realizadas todas as segundas-feiras das 17h30 às 20h, no SESC. As aulas do outro grupo terão início no dia 23 de setembro, sendo todas as sextas-feiras, das 15h às 18h.

Metodologia

Serão realizados dois encontros para coleta dos depoimentos de histórias de vida dos participantes. Após este processo, se dará a construção dos desenhos, que será facilitada pela técnica de colagem utilizada nestas oficinas.
Posteriormente, os desenhos serão transferidos para o tecido e se iniciará o processo de bordados, cuja técnica será livre. Esse processo se dará em cerca de seis encontros e os painéis serão encaminhados para a fase de acabamento em costureira e marcenaria.
Para finalizar, será organizada uma exposição com o resultado do trabalho em data a ser definida com a agenda de exposições do SESC/MG UBERLÂNDIA.

Entre em exposição virtual e confira os trabalhos já desenvolvidos pelo grupo de bordadeiras envolvivdas no projeto.
Vejam que lindo o painél que a Dona Joana criou baseado na história de seu neto e na cultura popular da folia de reis!!!